É claro que você já percebeu o quanto é importante anunciar um negócio online, certo? Já pensou em como machine learning (ou inteligência artificial) do Google Ads pode te ajudar nisso?
Mas como a gente pode garantir que um anúncio na rede de pesquisa do Google realmente vai atingir o objetivo e trazer retorno de verdade?

Para responder a estas perguntas, primeiro precisamos analisar os contextos e só então, podemos chegar a um ponto.

Como funciona a inteligência artificial do Google Ads?

Hoje se tornou muito mais fácil criar anúncios, sejam eles no Google ou em outras plataformas. A única diferença é que hoje temos uma força maior por detrás das campanhas: a inteligência artificial do Google Ads para nos ajudar.

Pode parecer complexo a um primeiro contato, mas é mais simples do que você pensa.

Imagine que você precise que uma conversão (ação importante do usuário dentro do seu site) aconteça para te gerar resultados. Agora, já pensou na complexidade que deve ser um robô identificar qual tipo de ação você quer que seja realizada lá?

Confuso, né? Vou simplificar.

Os anúncios precisam estar bem alinhados com a proposta ao qual nós os estruturamos. Ele precisa ser claro, precisa estar com as palavras-chave corretas, com as extensões de sitelinks, extensões chamadas e de preço, persuadir o usuário chamando-o para a ação, além de testes constantes (já que não estamos falando de fórmula mágica, certo?), e por fim, cumprir a sua principal função: ajudar o usuário a realmente encontrar o que estava procurando. 

Afinal, o Google pensa principalmente na experiência do usuário, ele precisa estar satisfeito com o retorno da rede de pesquisa e você precisa ajudá-lo a alcançar isso.

Mas esse trabalho todo gera resultados?

Realmente isso é algo que gera muitas dúvidas… dá muito trabalho desenvolver campanhas que convertam em vendas para o cliente e que dê ROAS positivo. É necessário muito teste para validação daquela campanha, entendimento de como o anúncio irá se comportar na rede de pesquisa e daí otimizá-lo manualmente para que possa cumprir seu objetivo final: VENDER!

Agora o tão esperado momento: por isso, se faz necessário o uso da tecnologia para desenvolver uma forma de automatizar todo esse processo e poder escalar a forma como é realizado esse trabalho. 

Não ficou claro? Então, vamos pensar no seguinte cenário: imagine um aluno que passou muito tempo aprendendo como funciona um processo e conseguiu entender dentro dos mínimos detalhes tudo o que funciona e tudo o que não funciona sobre esse processo, beleza?

Agora, imagina que esse aluno após aprender consiga replicar todo o processo e identificar os padrões que fizeram os resultados acontecerem. Ele vai focar no que gera resultado e no que não gera, vai passar a descartar.

É isso. Esse é um exemplo claro de como funciona a Inteligência Artificial em anúncios do Google Ads. E nós, como Google Partners, desenvolvemos uma metodologia de trabalho para trazer ainda mais conversões em nossas contas com esse processo, só que em escala.

Essa é uma das vertentes do nosso trabalho. Lapidar os dados e gerar valor através deles e o principal: não importa se é marketing, growth, business intelligence, analytics… nosso objetivo é gerar resultados que os ajudem no crescimento do negócio.

Agora que você já sabe como funciona o nosso trabalho, o que acha de se inscrever na nossa Newsletter para saber mais novidades sobre nossa metodologia de escala?

Jeferson Cunha

Jeferson Cunha

Empreendedor, consultor especialista em inteligência de marketing, analytics e negócios. Google Partner e Associate Cloud Engineer (Google Cloud).